Detectado vírus Zika em amostras de saliva e urina - Itiruçu Notícias
Arrow
Campanha Cores da Saúde



EDITORIAL

Reflexão do sofrimento superado pela Fé

As lágrimas escorrem como sangue de uma ferida, difícil de estancar.
As batidas do coração doem a cada pulsação.
O olhar que não encontra uma saída nem mesmo alguém que possa compreender, quando se está no chão.
Não há uma mão pra te levantar, mas várias para te empurra no abismo. Apagar a luz no fim do túnel com um sopro para que não enxergue a saída.
Mas com tua em fé em Deus, louvai, porque ele é bom
Em Salmos 107.06 diz “E clamaram ao Senhor na sua angústia, e os livrou das suas dificuldades.”
Pois Deus conhece as duas dores e os seus sofrimento .
Os retos o verão, e se alegrarão, e toda a maldade tapará a boca.
Quem é sábio observará estas coisas, e eles compreenderão as bondades do Senhor. Salmos 107:42,43 CONTINUE LENDO

COLUNISTAS



Coluna Joselito Fróes: Êta lê lê! : O Bar São Jorge

Existem certas relíquias que o tempo faz questão de perpetuar. Passa-se o tempo e a suas lembranças continuam vivas em nossos corações...


MAIS LIDAS DO MÊS


Detectado vírus Zika em amostras de saliva e urina

Por: Itiruçu Notícias - sábado, 6 de fevereiro de 2016 - 0 Comentários





Nesta sexta-feira (05), a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) divulgou o isolamento do vírus Zika ativo (com potencial de provocar a infecção) em amostras de saliva e urina de pacientes infectados. Mas segundo Nota da Secretaria de Saúde  do estado da Bahia, esse achado não implica, necessariamente, que a Zika seja transmitida por essa via. Serão necessários estudos específicos para testar essa forma de transmissão, incluindo, dentre outras questões, qual o tempo de viabilidade do vírus fora do organismo humano e se, após passar pelo suco gástrico, mantém sua capacidade de infectar as pessoas. A recomendação quanto às medidas de prevenção e controle dessa doença permanecem as mesmas já anteriormente divulgadas.

Evidências:

1.            Até o momento as evidências epidemiológicas indicam que a Zika é uma doença de transmissão VETORIAL, ou seja, transmitida pelo mosquito Aedes aegypti. Outras formas de transmissão podem ocorrer em menor proporção e estão sendo amplamente investigadas. Ressalta-se que os vírus HIV e Dengue também foram isolados na saliva, nunca se configurando uma via de contágio, como é do conhecimento de todos,

2.            As implicações práticas do presente estudo da FIOCRUZ terão efeito na identificação de novas técnicas diagnósticas da doença (p. ex.: testes rápidos na saliva).

3.            A recomendação quanto às medidas de prevenção e controle dessa doença permanecem as mesmas já anteriormente divulgadas. Para as gestantes, uma maior atenção e cuidado na exposição ao vetor. Pessoas que convivam com gestantes e tenham sintomas de zika devem ter uma responsabilidade adicional em relação aos cuidados com o mosquito transmissor e outras medidas que possam trazer risco à gestante.

SOBRE A ZIKA:

ZIKA vírus, é uma arbovirose recém-introduzida (abril 2015) no território brasileiro, primeiramente notificada nos estados do Nordeste, entre eles a Bahia.

Por ser uma doença emergente, poucos estudos foram realizados até então. Várias questões sob o ponto de vista do controle dessa doença precisam ser investigadas, entre eles, a forma como o vírus é transmitido. No caso de identificação no sêmen, ocorreu apenas um caso descrito nos Estados Unidos da América e a doença não pode ainda ser classificada como sexualmente transmissível, e também não há descrição de transmissão por saliva (Protocolo de vigilância e resposta à ocorrência de Microcefalia).

O modo mais importante de transmissão do vírus Zika é por meio da picada do mosquito Aedes aegypti, mesmo transmissor da dengue e chikungunya e o principal vetor urbano das três doenças.  O combate ao vetor se configura a principal arma contra a disseminação dessas doenças. Em relação às demais vias de transmissão, a identificação do vírus em líquido amniótico indica que este atravessa a barreira transplacentária, sendo esta a via de maior importância devido ao risco de dano ao feto.

Ações de combate ao mosquito foram intensificadas em todo o Estado da Bahia, no esforço coletivo e contínuo, em parceria com os municípios, sociedade civil, forças armadas, setores públicos e privados, na identificação dos criadouros e eliminação dos focos dos mosquitos. Diversas campanhas educativas estão sendo veiculadas para esclarecer toda a população da necessidade  do seu engajamento e dos cuidados com a saúde, especialmente no combate ao mosquito.


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PARCEIROS



 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif
 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif