Deputado Marcell é processado por Eduardo Salles - Itiruçu Notícias
Arrow
Exerça sua cidadania



Passeio Cicloturismo de Itiruçu



EDITORIAL

Refletindo: A verdadeira política do verdadeiro cristão

O Evangelho é o caminho da verdade e da vida eterna, a política é o caminho do cidadão onde interfere diretamente na sua vida terrena (ALIMENTAÇÃO, MORADIA, SAUDE, EDUCAÇÃO, ESPORTE LAZER ETC.)
O Evangelho busca a paz espiritual, quanto à política favorece ou dificulta à vida da comunidade, porém um povo evangelizado com certeza a política só faz favorecer, pois a comunidade sabe o que é o melhor para ela.
A política não se reúne em atividades partidárias, eleições, lideres etc. e sim em um conjunto de atividades que o cidadão deve sentir com o seu dever e direito de estar presente, compromisso da realidade social, não pregando discórdia e sim a união porque o cristianismo deve evangelizar na totalidade da existência humana, inclusive na dimensão da política.

COLUNISTAS



Coluna Joselito Fróes: Êta lê lê! : Eleições em Itiruçu

Eleições  serão realizada neste domingo dia 07 de outubro.  Se a mesma empolgação dos eleitores para as eleições do próximo domingo...


MAIS LIDAS DO MÊS


Deputado Marcell é processado por Eduardo Salles

Por: Itiruçu Notícias - quarta-feira, 17 de fevereiro de 2016 - 0 Comentários


O Deputado Eduardo Salles entrou com uma ação contra o colega na Casa após ser acusado de ter responsabilidade na morte de um cavalo premiado que foi eletrocutado durante a 28ª Feira Internacional da Agropecuária (Fenagro), em novembro do ano passado.

Na ação, publicada no Diário Oficial da Justiça de segunda-feira (15), o ex-secretário de Agricultura do Estado pede que Marcell explique as declarações dadas a um programa de rádio, quando direcionou "toda a responsabilidade e culpa pela morte do animal” ao progressista.Ao Bahia Notícias, Salles explicou que o processo não é uma “retaliação” ao verde, mas que espera uma reparação pela acusação. “Eu já tinha saído da secretaria há dois anos e ele dizendo que eu matei o animal. Foi um acidente, que já aconteceu em vários parques de exposição do Brasil. Não achei justo. Ele vai ter que se reparar”, avisou Eduardo, que afirmou não ter “nada contra” o colega. “Nós temos divergências, mas temos uma boa relação. Eu tenho minhas bandeiras e ele tem as dele. A democracia é pra isso. [...] Agora ir pra rádio acusar uma pessoa? Ele foi funcionário do Zoológico de Salvador. Quer dizer que se um animal morresse dois anos depois dele sair eu poderia dizer que é culpa dele também?”, questionou. “Uma coisa é a gente no plenário, outra é ele me acusar levianamente em uma rádio. Esse é um fato muito chato. Se ele tivesse pedido desculpas eu podia até relevar. Minha questão não é a briga, é mais uma coisa educativa”, justificou.

Questionado sobre a ação, Marcell Moraes disse que ainda não foi notificado pela Justiça, mas criticou a atitude do parlamentar. “É ser muito amador ou ter medo do debate. Com o plenário para discutir, ele foi procurar a Justiça? Um poder não tem nada a ver com o outro. Somos dois parlamentares, devemos debater as discordâncias na Assembleia”, rebateu.
Questionado se estaria disposto a pedir desculpas a Salles, Marcell foi taxativo: “Em hipótese nenhuma. 0% de chance. Muito pelo contrário, falaria de novo e falo de novo agora”.
Foto: Reprodução / Facebook/ Informações Bahia Notícias


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PARCEIROS



 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif
 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif

Campanha de Doação