Deputado Marcell é processado por Eduardo Salles - Itiruçu Notícias
Arrow
Cores da Saúde: Julho Amarelo alerta sobre câncer nos ossos



Passeio Cicloturismo de Itiruçu


EDITORIAL

Reflexão do sofrimento superado pela Fé

As lágrimas escorrem como sangue de uma ferida, difícil de estancar.
As batidas do coração doem a cada pulsação.
O olhar que não encontra uma saída nem mesmo alguém que possa compreender, quando se está no chão.
Não há uma mão pra te levantar, mas várias para te empurra no abismo. Apagar a luz no fim do túnel com um sopro para que não enxergue a saída.
Mas com tua em fé em Deus, louvai, porque ele é bom
Em Salmos 107.06 diz “E clamaram ao Senhor na sua angústia, e os livrou das suas dificuldades.”
Pois Deus conhece as duas dores e os seus sofrimento .
Os retos o verão, e se alegrarão, e toda a maldade tapará a boca.
Quem é sábio observará estas coisas, e eles compreenderão as bondades do Senhor. Salmos 107:42,43 CONTINUE LENDO


COLUNISTAS



Coluna Joselito Fróes: Êta lê lê! : O Bar São Jorge

Existem certas relíquias que o tempo faz questão de perpetuar. Passa-se o tempo e a suas lembranças continuam vivas em nossos corações...


MAIS LIDAS DO MÊS


Deputado Marcell é processado por Eduardo Salles

Por: Itiruçu Notícias - quarta-feira, 17 de fevereiro de 2016 - 0 Comentários


O Deputado Eduardo Salles entrou com uma ação contra o colega na Casa após ser acusado de ter responsabilidade na morte de um cavalo premiado que foi eletrocutado durante a 28ª Feira Internacional da Agropecuária (Fenagro), em novembro do ano passado.

Na ação, publicada no Diário Oficial da Justiça de segunda-feira (15), o ex-secretário de Agricultura do Estado pede que Marcell explique as declarações dadas a um programa de rádio, quando direcionou "toda a responsabilidade e culpa pela morte do animal” ao progressista.Ao Bahia Notícias, Salles explicou que o processo não é uma “retaliação” ao verde, mas que espera uma reparação pela acusação. “Eu já tinha saído da secretaria há dois anos e ele dizendo que eu matei o animal. Foi um acidente, que já aconteceu em vários parques de exposição do Brasil. Não achei justo. Ele vai ter que se reparar”, avisou Eduardo, que afirmou não ter “nada contra” o colega. “Nós temos divergências, mas temos uma boa relação. Eu tenho minhas bandeiras e ele tem as dele. A democracia é pra isso. [...] Agora ir pra rádio acusar uma pessoa? Ele foi funcionário do Zoológico de Salvador. Quer dizer que se um animal morresse dois anos depois dele sair eu poderia dizer que é culpa dele também?”, questionou. “Uma coisa é a gente no plenário, outra é ele me acusar levianamente em uma rádio. Esse é um fato muito chato. Se ele tivesse pedido desculpas eu podia até relevar. Minha questão não é a briga, é mais uma coisa educativa”, justificou.

Questionado sobre a ação, Marcell Moraes disse que ainda não foi notificado pela Justiça, mas criticou a atitude do parlamentar. “É ser muito amador ou ter medo do debate. Com o plenário para discutir, ele foi procurar a Justiça? Um poder não tem nada a ver com o outro. Somos dois parlamentares, devemos debater as discordâncias na Assembleia”, rebateu.
Questionado se estaria disposto a pedir desculpas a Salles, Marcell foi taxativo: “Em hipótese nenhuma. 0% de chance. Muito pelo contrário, falaria de novo e falo de novo agora”.
Foto: Reprodução / Facebook/ Informações Bahia Notícias


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PARCEIROS



 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif
 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif



São Pedro 2018

Melhores momentos - Por Wilson Novaes