Agricultores e prefeitura faz ‘faxinaço’ contra Aedes Aegypti - Itiruçu Notícias
Arrow
Campanha Cores da Saúde



EDITORIAL

Reflexão do sofrimento superado pela Fé

As lágrimas escorrem como sangue de uma ferida, difícil de estancar.
As batidas do coração doem a cada pulsação.
O olhar que não encontra uma saída nem mesmo alguém que possa compreender, quando se está no chão.
Não há uma mão pra te levantar, mas várias para te empurra no abismo. Apagar a luz no fim do túnel com um sopro para que não enxergue a saída.
Mas com tua em fé em Deus, louvai, porque ele é bom
Em Salmos 107.06 diz “E clamaram ao Senhor na sua angústia, e os livrou das suas dificuldades.”
Pois Deus conhece as duas dores e os seus sofrimento .
Os retos o verão, e se alegrarão, e toda a maldade tapará a boca.
Quem é sábio observará estas coisas, e eles compreenderão as bondades do Senhor. Salmos 107:42,43 CONTINUE LENDO

COLUNISTAS



Coluna Joselito Fróes: Êta lê lê! : O Bar São Jorge

Existem certas relíquias que o tempo faz questão de perpetuar. Passa-se o tempo e a suas lembranças continuam vivas em nossos corações...


MAIS LIDAS DO MÊS


Agricultores e prefeitura faz ‘faxinaço’ contra Aedes Aegypti

Por: Itiruçu Notícias - quinta-feira, 18 de fevereiro de 2016 - 0 Comentários

Os produtores rurais residentes em Barreiras, na região Oeste da Bahia, saíram do campo para ajudar o poder público a combater o mosquito aedes aegypti, transmissor dengue, zika vírus e chikungunya – na cidade. A classe lançou, nesta terça-feira (16), a campanha “S.O.S Barreiras” e deu a sua contribuição doando máquinas agrícolas para atuar na limpeza de terrenos baldios, coleta de lixo e entulhos, além de fazer a desobstrução de canais, ruas e avenidas da cidade.
Ao todo, foram cedidas à prefeitura cerca de 30 máquinas pesadas, entre caçambas, patrolas, caminhões pipas, roçadeiras, pás-carregadeiras e motonoveladora e os respectivos operadores para cada patrulha mecanizada. A ação conjunta, promovida pela Associação de Agricultores e Irrigantes da Bahia (Aiba), Associação Baiana dos Produtores de Algodão (Abapa) e o Sindicato de Produtores Rurais de Barreiras (SPRB), deve durar aproximadamente 15 dias.

As equipes foram distribuídas e já estão atuando em diferentes áreas da cidade, coordenadas pela prefeitura de Barreiras, que definiu o itinerário, atendendo ao critério de prioridade estabelecido pela Secretaria Municipal de Saúde, com base nos índices de infestação. As áreas com o maior número de casos receberão mais equipes para eliminar os criatórios do mosquito.
O presidente da Aiba, Júlio Cézar Busato, ressalta que o objetivo é contribuir para a redução de casos da doença relacionadas ao mosquito transmissor. “Só venceremos esse problema com a participação de todos. Cabe a cada um olhar o seu quintal, não deixar água acumulada, enfim, fazer a sua parte. Nós, produtores rurais, estamos dando a nossa contribuição, tirando o equipamento das fazendo no meio da safra, ou seja, interrompendo os trabalhos lá para abraçar essa causa. Esperamos com isso incentivar outros segmentos da sociedade a fazer o mesmo”, disse.

Segundo Busato, todos os produtores residentes em Barreiras aderiram à campanha, contribuindo de alguma maneira para que a mobilização ocorresse. “Eu mesmo falei com cada um deles e não recebi nenhum não. Teve máquinas que viajaram 200 Km para chegar até a sede. Quero aqui, em nome da Aiba, parabenizá-los e agradecê-los por esta importante iniciativa”, ressaltou.
O presidente do SPRB, Moisés Schmidt, destacou que o objetivo da ação é reforçar as equipes da prefeitura, com trabalhos simultâneos em vários bairros da cidade, a fim de otimizar a operação, já que temos prazo para iniciar e concluir os serviços. “Os trabalhos serão intensificados em dois turnos porque os maquinários precisam voltar às propriedades rurais devido ao período de colheita que se aproxima”, explica.
Já o presidente da Abapa, Celestino Zanella, ressaltou a importância da iniciativa. “É essencial a união de todos para que a população fique mais tranquila diante do quadro alarmante de Microcefalia associado ao Zika Vírus. Nós produtores estamos comprometido com a causa e estamos disponibilizando voluntariamente máquinas e operadores para esta luta”, disse.
Ascom Aiba


Não se esqueça de ler isso também ...

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do Itiruçu Notícias; a responsabilidade é do autor da mensagem.

PARCEIROS



 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif
 photo GS-SOMgif_zpszfpbff8c.gif